skip to Main Content
Arte na infância desperta sensibilidade e olhar crítico

Arte na infância desperta sensibilidade e olhar crítico

A arte é uma forma de conhecimento. Um modo de pensar, ler e interpretar o mundo que pode se dar por meio da experiência e do prazer estéticos. O prazer que sentimos ao entrar em contato com aquilo que consideramos arte – um quadro, uma música, um espetáculo de dança, uma escultura, uma peça de teatro, um filme, até mesmo um lindo pôr do sol ou o barulho das águas correndo livremente por uma cachoeira – caracterizam a nossa experiência estética, o prazer estético.

Assim, a arte faz-nos sentir, por meio de uma obra, uma possibilidade do mundo vista pelo artista e nos traz a compreensão de certos aspectos do mundo. Quando apresentamos para a criança os artistas e trabalhamos com suas obras, estamos utilizando a arte como um recurso para ela conhecer o modo como as pessoas viviam em determinada época e oferecendo a ela o conhecimento de diferentes manifestações artísticas.

E ela sempre esteve presente na história da humanidade, quando ainda nem se usava as palavras como meio de comunicação. Nas cavernas, nos edifícios, nas pinturas, nas esculturas ou nos templos, a arte sempre representou uma linguagem universal, inventariando períodos, culturas e manifestações. Ao fazer arte, a criança vive e escreve sua própria história. Ao relacionar-se com a arte, a criança descobre por meio da imaginação que existem muitos caminhos para seguir, quer seja na vida pessoal, na profissional ou escolar.

Ao entrar em contato com esse universos fascinante, aprendemos a refletir, observar e perceber sobre a capacidade estética e inventiva da humanidade em todos os tempos e lugares, aprendemos a reconhecer diferentes modos de expressar e compreender nossos pensamentos, estilos, sonhos, sentimentos, ideologias e crenças. Aprendemos também trabalhar com a razão e emoção.

As expressões artísticas levam o aluno a repartir ideias, a conhecer e apreciar a cultura, a pensar sobre o tempo e o espaço em que vive, a conversar, argumentar, negociar, tolerar, conviver com as diferenças, a sentir, a ser solidária, a trabalhar em equipe, a respeitar a si mesmo e ao outro, a observar e também a interagir com o mundo. Por isso mesmo, o ensino de arte tem uma importância que vai além do currículo escolar, pois ela se transforma num agente de formação humana.

Sabemos que é na escola que nossos filhos têm seu primeiro relacionamento fora da ambiente familiar. Eles aprendem a se expressar por meio de desenhos, depois pela fala e escrita. Aos poucos, desenvolvem os relacionamentos. Como a arte desperta a sensibilidade e o olhar crítico, esse processo se intensifica. Quando apresentamos para a criança os artistas e trabalhamos com suas obras, estamos utilizando a arte como um recurso para ela conhecer o modo como as pessoas viviam em determinada época. Esse conhecimento do passado é fundamental para viver o presente e se preparar para o futuro.

O Colégio Platão vê a arte como instrumento de crescimento e desenvolvimento. Ela contribui para um mundo melhor, porque torna as pessoas mais virtuosas e verdadeiras de alma e coração. E é por meio das nossas lindas crianças que tudo se inicia.

Temos aulas curriculares, da Educação Infantil ao Ensino Médio, e extracurriculares, no período da tarde, para o Fundamental I e II. A Oficina de Artes é uma grande oportunidade de as crianças e adolescentes unirem técnica e talento, conhecimento e sensibilidade, razão e emoção. Por meio de traços, formas, cores e texturas, eles transformam sentimentos e ideias em obras de arte. No final do ano letivo, temos nossa tradicional vernissage, que é um evento cultural para compartilhar com pais e comunidade as obras dos alunos.

A arte não pode mudar o mundo efetivamente, mas é capaz de transformar as pessoas que fazem o mundo. Ao vivenciar experiências artísticas a criança está criando e fazendo sua própria história. Ela conhece o universo de artistas e suas obras, lê e interpreta obras de arte, produz textos, desenha, recorta, pinta, enfim, cria e vive a arte. Isso é estimulante, prazeroso, maravilhoso e desafiador.

Uma aventura que sempre vale a pena!

Por Giselda Jacob Beuttemmuller – Professora de Arte do Colégio Platão

Compartilhe:

Colégio Platão

Fundado em 1985, o Colégio Platão, por meio da Educação Infantil, do Ensino Fundamental e do Ensino Médio, transformou-se em referência na educação para crianças e jovens de Maringá e região. Nestes 30 anos, o Platão tem ensinado milhares de estudantes e ajudado a formar milhares de cidadãos.

Este artigo tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top
Abrir o chat
Precisa de ajuda?
Olá!
Como podemos te ajudar?