skip to Main Content

Protocolo das Atividades Administrativas e Pedagógicas

A partir de 17 de março de 2021, as instituições da rede privada filiadas ao Sinepe/NOPR foram autorizadas, por meio uma decisão judicial (liminar), a retomar as aulas curriculares e extracurriculares no modelo híbrido, respeitando o limite de 30% da ocupação nas salas de aulas e nas salas do setor administrativo. Como anteriormente informado, a decisão de retorno cabe aos pais e/ou responsáveis pelos alunos. As escolas estão autorizadas a atender presencialmente, mas devem continuar oferecendo aulas e atividades de forma remota (por meio de videoaulas ou por meio da transmissão ao vivo).

O Colégio Platão teve seu calendário escolar aprovado pelo Núcleo de Educação e fez todos os investimentos necessários para a implementação dos protocolos de segurança. Nesse período preparou-se para retornar às atividades presenciais e para continuar com qualidade as aulas remotas.

O objetivo do plano de contingência é a redução da propagação do vírus e detecção rápida de eventuais casos.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO

A seguir, descrevemos como ficou organizada nossa rotina diária para as turmas da Educação Infantil ao Ensino Médio, bem como para os colaboradores dos departamentos administrativos e quais medidas foram adotadas para essa nova realidade.

ATIVIDADES REGULARES

  • Higiene dos espaços da escola: é realizada pela equipe escolar de forma sistemática e conforme recomendação da Secretaria Estadual da Saúde, com desinfecção de todos os ambientes da instituição diariamente.
  • Nas aulas de Educação Física privilegiam-se os espaços ao ar livre e são desenvolvidas atividades sem contato físico e com o devido distanciamento entre os alunos.
  • Lixeiras são abertas ou tem acionamento automático, para evitar o contato físico.
  • Distanciamento mínimo permitido de acordo com as orientações e regras sanitárias.
  • Corredores e escadas são direcionados com sentidos únicos para minimizar o tráfego de pessoas.
  • Desinfecção dos ambientes internos e externos é mais intensificada em locais que tenham corrimãos, telefones, maçanetas, interruptores, carteiras, entre outros.
  • Utilização dos elevadores restrita apenas para alunos e funcionários com necessidades especiais.

BANHEIROS

  • Banheiros: uso controlado pela equipe de colaboradores, com orientação de higienização das mãos e controle do fluxo.
  • Desinfecção dos corrimãos e maçanetas a cada uso.

ACESSO E SAÍDA

  • Aferição de temperatura na entrada de todos os funcionários, professores, alunos e prestadores de serviços, não sendo permitida a entrada caso a temperatura seja acima de 36,8°; caso aconteça, há orientação para que se procure um médico e/ou hospital.
  • Portões de entrada: após a entrada e aferição da temperatura, todos os funcionários, professores, alunos e prestadores de serviços passam por um túnel de desinfecção, que libera um produto aprovado pela Anvisa e que garante proteção de 12 horas; também foram instalados tapetes higienizantes e totens com dispenser de álcool em gel.
  • O acesso à escola só é permitido com o uso de máscara de proteção e todos são instruídos quanto ao uso correto (cobrir nariz e boca) e à troca a cada duas horas.
  • Pais ou responsáveis são orientados a aguardar os alunos fora da instituição, para que não haja aglomeração.
  • A frequência às aulas presenciais é feita apenas com termo de autorização assinado pelos responsáveis.
  • As famílias que ainda não se sentirem seguras para o retorno presencial continuam recebendo todo apoio pedagógico de forma remota, por meio da transmissão ao vivo e também do envio de videoaulas.
  • Os funcionários que não se sentem seguros para o retorno presencial continuam trabalhando em home office.
  • Os professores/colaboradores seguem os mesmos protocolos de cuidados, incluindo uso de EPI’S, sendo treinados e orientados a manter atenção a qualquer situação de anormalidade.
    Início e saída de aulas são escalonadas para evitar aglomeração nos portões de acesso.
  • Mantemos suspensas as utilizações de catracas de acesso.
  • Suspendemos por definitivo a utilização do ponto biométrico e optamos por um sistema de registro online por meio de QRCode, via aplicativo no próprio celular do funcionário.

REFEITÓRIO/SALA DOS PROFESSORES

  • No refeitório os funcionários e professores utilizam o seu próprio talher e copo, sendo proibido o compartilhamento desses utensílios e de outros de uso pessoal.
  • A sala dos professores não está liberada para descanso, apenas está autorizado o uso dos banheiros e a guarda de objetos pessoais.
  • No refeitório e sala dos professores as cadeiras são demarcadas com o distanciamento mínimo exigido.
  • Nos intervalos e no horário de almoço é realizada uma escala com os funcionários e professores, respeitando o limite de ocupação e o distanciamento.

INTERVALOS/ ALIMENTAÇÃO

  • Os bebedouros estão desativados e alunos e funcionários são instruídos a trazer de casa a sua garrafinha de água; o compartilhamento de objetos pessoais está proibido.
  • As turmas da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I fazem o lanche nas próprias salas, por meio da adesão ao Programa de Alimentação Saudável Platão – PASP – ou pela opção do lanche trazido de casa.
  • A cantina escolar trabalha com o sistema online de compra de lanches de alunos e funcionários, não sendo necessário o manuseio de dinheiro no espaço.
  • Nos intervalos, os alunos do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio podem consumir seu lanche de duas formas: adquirir uma opção da cantina por meio de agendamento feito por aplicativo ou trazer de casa (sem compartilhar com colegas).
  • Cada turma do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio passa seus momentos do intervalo em espaços diferentes, a fim de evitar aglomeração, sempre com supervisão de um funcionário do Setor Pedagógico.
  • Nos momentos de intervalo das crianças, elas também ficam em espaços específicos e as brincadeiras são supervisionadas.
  • Banners com as orientações de observação de sintomas estão fixados nas entradas, pátios, sala dos professores, refeitórios e salas dos departamentos administrativos com as informações conforme a seguinte resolução:

Art. 28.

§ 1º Os recursos citados no caput devem privilegiar a importância da higiene de mãos, a adoção da higiene respiratória ao tossir e espirrar; a obrigatoriedade do uso de máscaras; a adoção do distanciamento físico entre pessoas; o não compartilhamento de objetos e utensílios pessoais; a limpeza e desinfecção do ambiente e superfícies, entre outros.

§ 2º Outras orientações relacionadas às formas de transmissão e medidas de prevenção para COVID-19, preconizadas pela Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, estão disponíveis no endereço eletrônico e . Art. 29. É obrigatório o uso de máscara por todas as pessoas que frequentarem a Instituição de Ensino, conforme Lei Estadual n.º 20.189, de 28 de abril de 2020.

§ 1º O uso e manuseio das máscaras deve seguir o disposto na Nota Orientativa n.º 22/2020 da SESA, disponível em: https://www.saude.pr.gov.br/sites/default/arquivos_restritos/files/documento/2020-

§ 2º Todos os trabalhadores devem realizar o monitoramento e orientação constantes quanto ao uso correto de máscaras por alunos e demais pessoas que adentrarem a Instituição”

  • Nos locais que têm possibilidade de aglomeração são mantidos cartazes indicativos com a quantidade máxima permitida, conforme o distanciamento de 1,5 (um metro e meio) entre elas.

AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA

  • Aulas da Educação Física neste momento de retomada são teóricas em salas de aulas; e, conforme escalas, são feitas em espaços abertos as aulas práticas, com o distanciamento mínimo permitido.
  • Atividades com uso de objetos de uso coletivo como bolas não são feitas.

SALAS

  • Sala de apoio e laboratórios com o distanciamento mínimo permitido e a desinfecção do local a cada término de utilização.
  • Salas de aula: o distanciamento das carteiras segue a determinação da Secretaria da Saúde e há um dispenser de álcool em gel 70% na porta de entrada de cada sala. Todas são amplas e mantidas com portas e janelas abertas.
  • A cada período letivo (matutino e vespertino), as salas de aulas são ocupadas pelo mesmo grupo de alunos e funcionários.
  • Salas dos departamentos administrativos e pedagógicos: todas mantidas com portas e janelas abertas e distanciamento, conforme a determinação.
  • A desinfecção de carteiras e cadeiras é feita a cada final de período.
  • Os alunos são reorganizados para que o professor se desloque o mínimo possível.

Art. 31. As turmas de alunos devem ser reorganizadas de forma que cada professor se desloque o mínimo possível da sala de aula.”

RESTRIÇÕES

Seguindo a Resolução SESA N° 0098/2021, serão cumpridas as seguintes determinações:

Art. 13. Estudantes, professores, trabalhadores e frequentadores da Instituição de Ensino que pertençam a grupo de risco, conforme Portaria Conjunta n.º 20, do Ministério da Economia e Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, de 18 de junho de 2020, e Guia de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde, podem frequentar as atividades presenciais, desde que em local arejado e higienizado ao fim de cada turno de trabalho.

§1º São considerados grupo de risco:

I – Idade igual ou superior a 60 anos;

II – Gestantes em qualquer idade gestacional;

III – Lactantes com filhos de até 06 meses de idade;

IV – Pessoas com as seguintes condições clínicas: cardiopatias graves ou descompensadas (insuficiência cardíaca, infartados, revascularizados, portadores de arritmias, hipertensão arterial sistêmica descompensada); pneumáticas graves ou descompensadas (portadores de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica – DPOC ou asma moderada/grave); imunodeprimidos; doentes renais crônicos em estágio avançado (graus 3, 4 e 5), doença hepática em estágio avançado, diabéticos conforme juízo clínico, e obesidade (IMC ≥40). “

Funcionários, professores e alunos assinaram termo de compromisso com as medidas de segurança e optando por ir a aula e ao trabalho mediante escolha individual.

“§2º Para o atendimento ao público previsto no caput deste artigo, devem ser estabelecidas e mantidas estratégias para a condução das atividades, sem prejuízo ao aprendizado e inclusão dos alunos.

Art. 14. As Instituições de Ensino devem limitar o acesso às suas dependências somente a pessoas indispensáveis para o seu funcionamento e desde que não pertençam ao grupo de risco.

§1º O atendimento ao público deve ser feito prioritariamente de forma on-line ou via telefone.

§2º Caso o atendimento presencial seja necessário, este deve ser previamente agendado.

§3º A entrada de fornecedores de insumos e prestadores de serviços de manutenção deve ocorrer preferencialmente fora dos horários das atividades presenciais dos alunos, exceto em situação premente e conforme as medidas para prevenção da COVID-19 descritas no Protocolo de Biossegurança da Instituição de Ensino.”

O atendimento aos pais, responsáveis e prestadores de serviços, como reparos nas estruturas físicas e atendimentos na tesouraria, seguirá o Decreto Municipal vigente em relação aos horários de funcionamento, limitações de pessoas, capacidade mínima permitida e distanciamento social.

Art. 15. Os estudantes que necessitam de atendimento educacional especializado, inclusive os com necessidades especiais, podem retornar a critério das famílias, sendo necessário garantir seu atendimento sem prejuízos à qualidade do aprendizado.”

Aos alunos com necessidades de atendimento especializado serão disponibilizados auxiliares individuais, de acordo com cada necessidade específica.

MEDIDAS A SEREM TOMADAS

CASOS DE SINTOMAS E/OU CASOS POSITIVADOS

Em parceria com um laboratório Sabin da Cidade de Maringá, o Colégio Platão realizará as testagens nos funcionários e professores que tiverem suspeitas de infecção pelo Coronavírus (causador da Covid 19), sendo o exame realizado pelo laboratório Sabin (Swab Nasal). Tal medida visa auxiliar no rápido diagnóstico e nas medidas a serem tomadas.

PREVENÇÃO:

  • Funcionários, alunos e professores que fazem parte do grupo de risco estão sendo orientados a trabalhar home office ou, no caso dos alunos, a manter o modelo de aulas remotas, cabendo a escolha a cada um (aos pais e responsáveis pelos alunos), sendo sempre orientados de todos os riscos.
  • Alunos, professores e funcionários: em caso de viagem ou de casos positivados na família, a recomendação é que se cumpra isolamento de 10 (dez) dias antes do retorno à escola, monitorando o aparecimento de possíveis sintomas.
  • Alunos, professores e funcionários: aqueles que tiveram contato direto com pessoas em caso de suspeita ou confirmação de contaminação deverão manter os mesmos dias de isolamento, monitorando o aparecimento de sintomas.

SUSPEITA:

  • Alunos, professores e funcionários que apresentarem um dos sintomas, como febre, tosse, congestão nasal, dificuldade para respirar, dor de garganta, dores no corpo ou dor de cabeça, deverão comunicar o Colégio e se afastar por tempo determinado pelo profissional da saúde competente.
  • Com o resultado negativo e a permanência dos sintomas, orientamos o funcionário, aluno e professores a permanecer em isolamento.

CONFIRMADO:

  • Com o resultado positivo, há a orientação de se procurar atendimento médico, bem como respeitar o afastamento necessário, conforme cada caso.
  • Em caso de confirmação de aluno positivado na turma, todos os alunos dessa turma deverão assistir às aulas de casa (remoto), por meio da transmissão ao vivo, por pelo menos 10 (dez dias), monitorando o aparecimento de possíveis sintomas.
  • Caso tenha um ou mais funcionários positivados no setor, os outros funcionários desse setor deverão trabalhar por meio Home Office, por pelo menos 10 (dez) dias, conforme a necessidade, monitorando o aparecimento de possíveis sintomas nos demais.

ENSINO HÍBRIDO

Por causa do cenário pandêmico, pais e/ou responsáveis da Educação Infantil ao Ensino Médio têm o direito de escolher se crianças e adolescentes frequentarão as aulas presenciais. Caso não se sintam seguros ainda, podem optar pelo ensino remoto.

* No caso da Educação Infantil, as aulas são 100% presenciais.

As aulas serão transmitidas ao vivo, no horário das 8h às 12h ou das 13h45 às 17h40 para turmas da Educação Infantil e Ensino Fundamental I e das 7h40 às 12h15 para alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio.

Os alunos que assistem às aulas de casa, seja por opção da família ou por necessidade de escalonamento, devem usar a camiseta do uniforme. Essa medida faz com que se estabeleça uma rotina e um maior envolvimento com as aulas.

Os professores continuarão a manter a interação com os alunos que estão na sala e também com os que assistem de casa, inclusive tirando dúvidas.

As monitorias do contraturno são feitas apenas presencialmente, seguindo os mesmos cuidados de segurança para o atendimento aos alunos. Se, por força de nova determinação dos órgãos Públicos ou Poder Judiciário, as aulas presenciais forem suspensas, essa atividade será oferecida remotamente.

ESCALONAMENTO

Alunos: a fim de manter o distanciamento mínimo entre os alunos, foi necessário fazer o escalonamento de algumas turmas do Ensino Fundamental I e de todas as turmas do Ensino Fundamental II e Ensino Médio.

Funcionários: não sendo necessário o escalonamento, todos serão organizados a manter distanciamento mínimo.

No caso dos Alunos, esse escalonamento foi organizado de forma a frequentar a escola a maior parte do tempo; em alguns casos, o aluno só assistirá à aula de casa uma vez a cada 10 (dez) dias, sempre respeitando os limites contidos nas normas editadas pelas Autoridades Sanitárias.

Os pais ou responsáveis sempre são avisados com antecedência sobre o(s) dia(s) em que seus filhos precisarão assistir às aulas de forma remota.

Este Plano de Contingência foi atualizado conforme as medidas contidas nas Resoluções atuais editadas pelas Autoridades Sanitárias do Governo do Estado do Paraná e de acordo com os Decretos Municipais vigentes nesta data.

Tais medidas poderão sofrer atualizações diárias conforme as atualizações das resoluções e decretos.

Maringá, 22 de março de 2021.

Colégio Platão

Back To Top
Abrir o chat
Precisa de ajuda?
Olá!
Como podemos te ajudar?